Posts anteriores

terça-feira, 26 de abril de 2016

Lojas Renner (LREN3) tem receita de R$ 1,247 bilhão no trimestre de 2016

A varejista de moda Lojas Renner (LREN3) reportou lucro líquido de R$ 65,5 milhões no primeiro trimestre de 2016, um recuo de 10,5% na comparação com o mesmo período do ano passado. 

Resultado de imagem para lojas renner
A varejista divulgou nesta segunda-feira que teve lucro líquido de 65,5 milhões de reais entre janeiro e março, queda de 10,5 por cento na comparação anual.

"Foi um trimestre positivo, considerando a forte base de comparação do ano passado e o ambiente promocional em que a gente conseguiu expandir a margem bruta. Foi a melhor margem bruta para um primeiro trimestre em seis anos", disse o Gomes. A margem bruta das operações de varejo foi de 55,6 por cento.

A receita líquida aumentou 6,5 por cento no período, a 1,076 bilhão de reais.

Segundo Gomes, o resultado "poderia ter sido melhor" se a Renner não tivesse enfrentado questões internas -já resolvidas-, como a falta de produtos leves num momento de temperaturas mais elevadas do que a média. "Se excluíssemos os itens de inverno, teríamos crescimento de dois dígitos", disse.

Segundo o executivo, a Renner também teve maior rigor no controle de qualidade, o que atrasou a chegada de alguns produtos, além de ter postergado importações, causando problemas como atraso de fornecedores.

As vendas no quesito mesmas lojas (abertas há mais de um ano) subiram apenas 1,3 por cento, ante 16,5 por cento na mesma etapa de 2015.
Resultado de imagem para lojas renner
Por enquanto, a performance de vendas de regiões mais quentes e que ofertam menos itens de inverno está melhor do que no Sudeste e no Sul.

"Para esta semana é esperada uma frente fria e a gente espera normalização das vendas daqui para frente", disse Gomes.

A empresa mantém o plano de abrir 25 Lojas Renner (ante 27 em 2015), 15 Camicado (10 um ano antes) e 20 Youcom (12 em 2015) este ano.

No trimestre, o Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado total caiu 6,5 por cento na comparação anual, a 185,8 milhões de reais. 
Resultado de imagem para lojas renner
Segundo a companhia, resultado foi afetado negativamente por fatores como o menor ritmo de expansão das vendas, a reoneração da folha de pagamento dos funcionários, o aumento do custo da energia elétrica e a elevação das despesas fixas com novas lojas e o novo centro de distribuição em Santa Catarina, que não estava em operação no início de 2015.

De acordo com a Renner, as vendas em mesmas lojas tiveram alta de 1,3% no trimestre, ante 16,5% no mesmo intervalo de 2015, “impactadas, principalmente, pela menor disponibilidade de produtos mais leves na transição da coleção, bem como pela menor assertividade em parte da coleção”.

No relatório sobre os resultados do primeiro trimestre, a empresa informou que o período apresentou cenários distintos entre os meses, “com desaceleração das vendas a partir de março”. A postergação da entrada de produtos importados para reduzir os estoques, o maior rigor no controle de qualidade, as temperaturas mais elevadas para a estação e a situação macroeconômica também impactaram o desempenho.
Resultado de imagem para lojas renner
Conforme o diretor de relações com investidores, Laurence Gomes, para os próximos meses a expectativa é que a questão relativa ao clima esteja resolvida com o acerto das coleções a perspectiva de baixa das temperaturas nos próximos dias na região Sul. Já quanto ao cenário macroeconômico, a visibilidade ainda é “baixa” devido aos efeitos da crise política sobre a confiança dos consumidores, disse.

O executivo ressalvou que os problemas de assertividade no primeiro trimestre foram “pontuais” e que a Renner conseguiu reduzir o nível de remarcações de preços. Com isto, a margem bruta das operações de varejo cresceu 1,2 ponto percentual no período, para 55,6%, neste caso favorecida também pela reoneração da folha de pagamento, que transferiu a incidência da contribuição previdenciária do faturamento para o valor dos salários dos empregados.

Conforme Gomes, a alta da margem bruta foi positiva diante do cenário do aumento das promoções no varejo de vestuário e mesmo sem o impacto da reoneração da folha a alta do indicador teria sido de 0,6 ponto percentual. De acordo com ele, o plano de abertura de 60 lojas das bandeiras Renner, Camicado e Youcom ao longo de 2016 está mantido.

O resultado dos produtos financeiros da Renner apresentou alta de 1,1% ante o primeiro trimestre do ano passado, para R$ 68,8 milhões, e contribuiu com 37% do Ebitda total da companhia, ou 2,7 pontos percentuais a mais do que nos três primeiros meses de 2015. Já a inadimplência no cartão Renner, líquida de recuperações, caiu de 2,4% para 1,8% da carteira na mesma base de comparação, graças ao aprimoramento dos sistemas de aprovação de crédito e de cobrança adotado desde 2015, acrescentou Gomes.

Do lado financeiro, as perdas no cartão Renner, líquidas das recuperações, atingiram 1,8 por cento sobre a carteira total no primeiro trimestre, ante 2,4 por cento no mesmo período de 2015.
Resultado de imagem para lojas renner
Para a Renner, a melhora refletiu medidas adotadas desde 2014, com maior restrição na concessão de créditos e manutenção de limites aprovados, além de maior eficiência na cobrança.

Temperaturas mais altas e a recessão no país pressionaram os resultados da Lojas Renner no primeiro trimestre, mas a expectativa de clima mais ameno a partir desta semana pode ajudar as vendas, segundo o diretor financeiro e de relações com investidores, Laurence Gomes. A varejista divulgou que teve lucro líquido de R$ 65,5 milhões entre janeiro e março, queda de 10,5% na comparação anual.
Resultado de imagem para lojas renner
Segundo a analista Andrea Teixeira, do JPMorgan, os resultados podem ser considerados “mistos”. “A principal razão para os números fracos é a difícil base de comparação, já que a Renner entregou 16,5% de SSS [same store sales, ou seja, lojas abertas há no mínimo 12 meses] no primeiro trimestre de 2015 contra 1,3% nesse trimestre. O resultado melhor do que o esperado na financeira e a despesa financeira menor ajudaram a compensar a desaceleração da receita”, afirma o banco em um relatório enviado a clientes. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários...