Posts anteriores

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Lucro da EDP (ENBR3) recua 39% no terceiro trimestre, para R$ 140 milhões

A elétrica EDP Brasil reportou lucro líquido de 140,1 milhões de reais no terceiro trimestre, baixa de 39,3 por cento ante igual período do ano passado, informou a companhia em balanço divulgado na noite de terça-feira.

Resultado de imagem para energias do brasil
A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação (Ebitda) da elétrica somou 551,5 milhões de reais entre julho e setembro, queda de 12 por cento em um ano.

Controlada pelo grupo português EDP Energias de Portugal, a empresa controla duas distribuidoras de eletricidade no Brasil, que atuam no interior e litoral de São Paulo e no Espírito Santo, além de possuir ativos de geração e ter passado a investir mais recentemente em linhas de transmissão.
Resultado de imagem para energias do brasil edp
A empresa reforçou o volume de energia descontratado para fazer frente ao risco hidrológico. O hedge da empresa está 9 pontos porcentuais acima do apresentado no início do ano. Atualmente a empresa está com 18% de sua garantia física descontratada, o que equivale a 184 MW médios. A estratégia de proteção do portfólio aos impactos do GSF e PLD foi reforçada através da descontratação de UHE Jari e UHE Cachoeira Caldeirão. Nesta última ainda houve descontratações por meio do MCSD, além de reduções de contratos bilaterais.

Em Pecém foi reportada uma disponibilidade média de 91%, superando a disponibilidade requerida no leilão de 90,14%.Já para a UHE São Manoel foi emitida a licença de operação, sendo que os testes de comissionamento da primeira unidade de geração já foram iniciados, bem como os testes de pré-comissionamento da segunda unidade. Ao final de setembro a obra alcançou 97,2% de evolução física.
Resultado de imagem para energias do brasil edp
Em geração, a EDP Brasil opera cerca de 2,7 gigawatts em capacidade instalada, além de ser uma das sócias da hidrelétrica de São Manoel, um empreendimento de 700 megawatts em fase final de construção (97,2 por cento de evolução física) entre Mato Grosso e Pará.

No trimestre, a distribuição de energia pela EDP Brasil cresceu 2,3 por cento no volume, “impactado pelo crescimento de 4,4 por cento na EDP São Paulo (EDP SP) e pela queda de 0,9 por cento na EDP Espírito Santo (EDP ES)”.
Resultado de imagem para energias do brasil edp
O volume de energia vendida do grupo foi de 3.169 GWh, redução de 2,7% na base trimestral. Já no acumulado do ano o volume total foi de 9.251 GWh, queda de 4,9%. o trimestre, o volume de energia vendida das usinas hídricas foi de 1.811 GWh, redução de 4,7%, em função do menor volume de energia contratada de Enerpeixe e Energest, mitigado pelo maior volume de Costa Rica e PCHs de venda no curto prazo. 

No acumulado do ano, o volume totalizou 5.221 GWh, queda de 8,2%. O volume de energia vendida da UTE Pecém I ficou em 1.358 GWh no período de julho a setembro, volume estável em relação ao mesmo período de 2016. No acumulado do ano, o volume atingiu 4.030 GWh, redução de 0,4%, quando comparado a 2016 devido ao maior número de horas de 2016.
Resultado de imagem para energias do brasil edp
No segmento de distribuição houve aumento do volume de energia distribuída de 2,3%, impactado pelo crescimento de 4,4% na EDP São Paulo e pela queda de 0,9% na EDP Espírito Santo. Esse comportamento, explicou a empresa, deve-se à recuperação da produção industrial no estado de São Paulo e ao registro de temperaturas mais amenas no Espírito Santo.

Na EDP São Paulo, as perdas totais se mantiveram estáveis, refletindo o aumento de energia injetada no sistema, decorrente de maiores investimentos em expansão e melhorias da rede, passou de 8,77% do total para 8,73% na comparação entre o final de setembro de 2016 e 2017, o limite estabelecido pela Aneel é de 7,88%. As perdas não técnicas caíram de 3,29%, que é o mesmo indicador regulatório da Aneel para 3,26%. Na EDP Espírito Santo, a redução entre os trimestres foi de 0,41 p.p., passou de 14,21% para 13,09%, ainda acima do índice de 11,77% da Aneel, as perdas comerciais passaram de 5,53% para 4,74% ante um limite legal de 4,63%.
Resultado de imagem para energias do brasil edp
O volume de energia comercializada totalizou 5.093 GWh, aumento de 53,7% na base trimestral. No acumulado do ano, o total de energia comercializada foi de 12.042 GWh, 34,3% superior aos nove meses de 2016.

Os investimentos somaram R$ 488,3 milhões no acumulado dos nove meses do ano, aumento de 15,4% em relação ao mesmo período do ano passado. Somente em distribuição houve um aumento de 19,3%. A dívida líquida da empresa está em R$ 3,9 bilhões, elevação de 15% quando comparado ao final de setembro de 2016. O nível de alavancagem está em 1,9 vez a relação entre dívida líquida e o ebitda, nível classificado como confortável para a continuidade dos projetos com risco controlado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários...